Saúde mental em tempos de coronavírus

Pessoas Mar 23, 2020
Entendemos o que fazer para minimizar o avanço do coronavírus. Mas como manter a saúde mental nesse contexto?

Estamos passando por um momento de incerteza e adaptação. Para além da real gravidade da situação, o excesso de informações disponíveis e a necessidade de isolamento social tornam-na mentalmente ainda mais desgastante.

Mesmo tendo cautela, é difícil evitar sentir algum nível de ansiedade e abalo emocional , mas é importante  – e possível! – tomar alguns cuidados para garantir a saúde mental.  

É por isso que este texto não é sobre coronavírus. Este texto é sobre nós. Abaixo, compartilhamos algumas dicas sobre como se manter informado e consciente, sem entrar em uma “espiral de ansiedade”.


Evite o excesso de informações

É essencial se manter informado, mas com a quantidade de veículos de comunicação e a velocidade das notícias no contexto digital, isso pode facilmente tornar-se uma obsessão. Tome algumas medidas para evitar cair nessa armadilha:

  • Defina horários para ler notícias. Você pode avaliar a quantidade de informação que te faz bem, mas talvez consumi-las duas vezes por dia já seja suficiente para manter-se informado;
  • Se você usa o Twitter e o Instagram, deixe de seguir contas que abordam o tema de maneira alarmista, assim como aqueles que divulgam informações pouco confiáveis. Dessa maneira, você se protege e aproveita para filtrar o que chega até você.  


Utilize práticas de controle de ansiedade

É hora de retomar (ou aprender) práticas que ajudam a controlar a ansiedade e mantém a saúde mental. Pode ser assistir aquela série que te passa uma sensação de segurança, pode ser evitar redes sociais, cozinhar, meditar, aprender um novo hobby ou fazer exercícios - sim, mesmo dentro de casa!

  • Cozinhar
    Rita Lobo, Tastemade Brasil, Bela Gil e outros cozinheiros estão criando conteúdos gratuitos relacionados à culinária: eles incluem receitas simples, dicas de limpeza, o que ter na despensa e como congelar alimentos. Saiba mais aqui.
  • Meditação
    A meditação nos ajuda a superar pensamentos obsessivos e manter-nos mais presentes no momento. Uma boa dica para começar são os apps Smiling Mind e Insight Timer (que tem conteúdos em português). Ele são gratuitos e possuem muitas opções de meditação guiada, focadas nos mais variados objetivos e para usuários iniciantes e avançados.


Exercício físico

Não é porque estamos dentro de casa que precisamos ficar parados. Aliás, nem devemos. Existe uma série de atividades que podem ser feitas em espaços limitados e sem aparelhos. Uma opção é a yoga. Tem também o Queima Diária, com treinos que podem ser feitos em qualquer lugar, que oferece 30 dias de assinatura grátis, e o Nike Training, que é gratuito.


Terapia

Se já pensou em fazer terapia, talvez esse um bom momento para começar. Existem cada vez mais profissionais atendendo de maneira remota, e esse número tende a aumentar com a atual situação. Para quem já fazia, mas presencialmente, converse com seu terapeuta sobre a opção de atendimento por vídeo. Para quem está cogitando a possibilidade, indicamos plataformas que listam profissionais das mais variadas vertentes e faixas de preço. Sabemos que a terapia é uma opção paga e, por isso, não se encaixa na realidade de todos. Mas lembre-se que uma ou duas sessões por mês já podem fazer grande diferença para sua saúde mental. Veja algumas opções:

https://falafreud.com/

https://zenklub.com.br/


Mantenha suas relações

Utilize a internet e o telefone para manter contato com as pessoas que gosta. Combine com os amigos de assistir a mesma série ou filme e conversar sobre eles depois, faça videochamadas com as pessoas que costumava ver com frequência e combine jogos online. Mantenha o isolamento apenas no mundo físico.


Aproveite os conteúdos oferecidos gratuitamente

Uma série de plataformas pagas passou a disponibilizar seus conteúdos gratuitamente para aliviar o tédio do isolamento. Aqui vão alguns:

  • Casa do Saber
    A Casa do Saber disponibilizou todos os seus cursos on demand - que costumam ser bem caros. Eles possuem aulas de cinema, escrita, filosofia, atualidades, história e outros temas. Para acessar, é só fazer o cadastro no site ou baixar o app.
  • Udemy
    A Udemy também tem uma série de cursos de diversas áreas gratuitos disponíveis.
  • Spcine Play
    Spcine Play é o serviço de streaming da empresa de fomento ao cinema da prefeitura de São Paulo. Eles liberaram gratuitamente seus conteúdos por 30 dias.
  • Globoplay
    O streaming da Globo liberou algumas séries e filmes infantis por 30 dias para não-assinantes.
  • Anitta
    Sim, a cantora. Ela tem conteúdo para tudo que você precisa - inclusive para o que você nem sabia que precisava!


Podcast Hidden Brain - Episódio “Tunnel Vision”

Hidden Brain é mais um dos ótimos podcasts da NPR (National Public Radio). Seus episódios abordam os padrões por trás do nosso comportamento. Este, em particular, foi gravado em 2017, ou seja, não tem nada a ver com coronavírus. Ainda assim, nos ajuda a entender muito sobre o nosso comportamento no contexto atual e, assim, pode nos ajudar a ficar mais tranquilos e agir de forma mais consciente. Ele trata da chamada visão de túnel, ou “Armadilha da Escassez”.

Basicamente, demonstra como nosso cérebro tende a se concentrar excessivamente nos elementos que mais sentimos falta no momento atual e, por isso, tomar decisões que parecem adequadas no momento, mas que nos prejudicam a longo prazo. Quer um exemplo? Quando nos sentimos muito confusos e preocupados, ficamos obcecados em buscar e notícias e informações, mesmo que o único resultado disso seja mais ansiedade e dúvida.

Pois é. Esse episódio é um dos melhores conteúdos sobre como lidar com coronavírus que não fala, em nenhum momento, sobre coronavírus.

LinkedIn icon Instagram icon Facebook icon Twitter icon
Great! You've successfully subscribed.
Great! Next, complete checkout for full access.
Welcome back! You've successfully signed in.
Success! Your account is fully activated, you now have access to all content.
manage cookies