Reports de Gestão: um resumo das principais tendências de 2021

Gestão de Projetos Fev 09, 2021

A partir dos desafios enfrentados em 2020, a área de gestão dá ênfase àquilo que é fundamental ao funcionamento de uma empresa: o bem estar dos colaboradores e a flexibilidade diante das mudanças para continuar entregando resultados consistentes.

Pensando nisso, criamos uma lista com reports que reúnem algumas tendências em gestão para 2021, além dos aprendizados de 2020.  

  1. Human Experience
    O foco na experiência humana diz respeito à valorização das capacidades individuais, ao incentivar que exista um propósito no trabalho de cada funcionário. O resultado não se dá apenas na produtividade, mas também no engajamento e fortalecimento de vínculos.
  2. Data-Driven Performance Management
    A aplicação de análise de dados na área de Recursos Humanos tem sido vista com otimismo, ainda mais quando relacionada à gestão de performance. Os esforços para melhorar a experiência do funcionário e reduzir a rotatividade, por exemplo, podem ser apoiados por essas análises.
  3. Saúde mental, bem estar e tecnologia
    O apoio à saúde mental é um tema que vem sendo incorporado às práticas de gestão. Uma forma de promover o bem estar no ambiente de trabalho pode se dar através de consultas terapêuticas online e aplicativos com este fim. Tecnologias deste tipo serão muito procuradas no mercado de software e de gerenciamento de desempenho a partir de agora.
  1. Otimização da comunicação digital
    As formas de comunicação permanecerão acontecendo em meio digital durante o ano de 2021. No entanto, isso tem levado muitos colaboradores a sentirem uma sobrecarga digital. Por isso, os gestores devem estar atentos ao conteúdo, volume e ritmo das informações enviadas. Opte por conteúdos envolventes e relevantes, para que a iniciativa seja efetiva.
  2. Programação estratégica com foco no público
    Assim como é importante dosar a quantidade interação que é demandada para o time, também é importante se atentar ao que é divulgado pela empresa. A comunicação digital deve estar alinhada às mudanças, assim, as divulgações de novos produtos não devem se dar de forma apressada e com excesso de posts.
  3. Change-driven project management
    O gerenciamento orientado às mudanças deve ser considerado parte do projeto — quanto mais cedo puder ser incluído, melhor. Segundo a plataforma, "quem investe em gerenciamento de mudança jamais irá olhar para trás e considerar este dinheiro gasto como um desperdício".

Leia também: Tendências da tecnologia para 2021: 6 principais reports

  1. Trabalho remoto
    Muitas empresas precisaram adotar o trabalho remoto como uma realidade durante 2020, e isso revelou muitas das vantagens deste formato, como a diminuição com os gastos de aluguel, despesas de viagem, tempo de deslocamentos e emissões de carbono. Assim, as soluções que apareceram de forma emergencial devem ser avaliadas e consideradas como soluções duradouras, a fim de que o home office seja tão efetivo e agradável quanto o trabalho no escritório.
  2. Employee experience
    A experiência do funcionário, ou employee experience (EX), continuará em pauta. Por isso, poderá se fortalecer a colaboração entre diferentes departamentos —  TI, infraestrutura e RH —  a fim de criar uma melhor experiência no home office.
  3. Pessoas e bem estar em primeiro lugar
    Este é um elemento central das empresas atualmente, a preocupação com o bem estar das equipes. Afinal, "se você cuidar dos seus funcionários, eles estarão sempre motivados, terão a melhor performance e, ao final, ainda irão agregar valor à organização." É preciso, então, não apenas tratar dos eventuais problemas, mas criar maneiras de prevenir o stress, a ansiedade e o burn out.
  4. Métodos ágeis
    O método ágil, mais uma vez, se mostrou muito útil no período. Organizações que trabalham a partir dessa metodologia têm a vantagem da rápida adaptação, característica que foi primordial no último ano.  
  5. Hiperautomação
    Muitos consideravam a Inteligência Artificial como uma ferramenta a ser desenvolvida a longo prazo, no entanto, a demanda pela automatização dos processos criou uma urgência em sua implementação. Afinal, "a ideia de automatizar tarefas simples e repetitivas —  e poder deixar sua equipe focar energia no trabalho complexo —  é obviamente atrativa".

    O que achou das tendências de gestão para 2021? Conta pra gente em nossas redes sociais.

Marta Barbieri

Cientista Social e Assistente de Comunicação na Caiena.

LinkedIn icon Instagram icon Facebook icon Twitter icon
Great! You've successfully subscribed.
Great! Next, complete checkout for full access.
Welcome back! You've successfully signed in.
Success! Your account is fully activated, you now have access to all content.
manage cookies