As Metodologias Ágeis demandam, antes de tudo, uma mudança na maneira de encarar projetos, planejamentos e desafios. Focadas em melhorar o desempenho de equipes, diminuir desperdícios e gerar soluções mais eficientes para diversos tipos de situações, elas surgem nas empresas de desenvolvimento de software e logo se espalham por vários mercados.

Aqui na Caiena, o livro "Scrum: A Arte de Fazer o Dobro do Trabalho na Metade do Tempo", de Jeff & J.J. Sutherland, é dado a todo novo talento que integra nosso time. Ele tem foco em uma única metodologia, o Scrum, e é uma ótima porta de entrada para o mindset ágil, já que retoma as questões que motivaram o surgimento do método e apresenta terminologias e processos de trabalho de maneira clara e didática. Além disso, o Scrum é a metodologia mais presente no nosso dia a dia de trabalho.

Mas como muitas outras práticas ágeis são utilizadas em empresas ao redor do mundo – inclusive na Caiena –, conversamos com dois de nossos talentos para que indicassem os livros que mais os ajudaram a colocar tais métodos em ação:

Image Description

1) The Nature of Software Development - Ron Jeffries (em inglês)
Nesse livro, Ron Jeffries, co-autor do Manifesto Ágil, fala sobre inúmeros cases nos quais se aplicam as metodologias ágeis. Ainda que o foco esteja nos projetos de tecnologia, o material oferece uma visão ampla das aplicabilidades dos métodos, e pode ser útil independente da área em que você atua.

A indicação foi do Bruno Rigolino, líder da Área de Design da Caiena. Segundo ele, basta substituir "Desenvolvimento de Software (Software Development)" por "Projetos Ágeis" no título e ler sem medo, já que ele explora vários pontos do Manifesto e pode contribuir para qualquer estudante ou profissional interessado no assunto.

Image Description

2) Sprint: O método usado no Google para testar e aplicar novas ideias em apenas cinco dias - Jake Knapp, John Zeratsky e Braden Kowitz (Google Ventures)
Também indicado pelo Bruno, o livro é bastante específico e esmiúça o conceito e a aplicabilidade do Sprint, utilizando muitas ferramentas e conceitos do design. O Sprint pode ser entendido como um ciclo curto de trabalho ao final do qual é preciso ter um produto pronto para ser testado – seja ele a ferramenta de um software ou o plano para resolução de um problema. Ele tem o mesmo nome de uma das técnicas do Scrum, mas é importante frisar que não são a mesma coisa.

Image Description

3) Lean Inception: Como alinhar Pessoas e Construir o Produto Certo - Paulo Caroli
Esse livro traz metodologias para a facilitação na criação de produtos, especificamente em suas etapas iniciais. Nele, Caroli propõe uma abordagem mais prática e direta no momento inicial do projeto com o objetivo de aumentar as chances de sucesso e, ao mesmo tempo, evitar o desperdício de tempo, dinheiro e trabalho em ferramentas e etapas dispensáveis.

Indicado pela Joyce Romano, Product Owner do projeto Folha da Paraíba, ele ajuda a olhar para o produto a ser desenvolvido e identificar sua essência, aquilo que é indispensável para que o resultado atenda as expectativas do cliente e as necessidades dos usuários. Em linguagem mais técnica, essa essência é chamada Produto Mínimo Viável (MVP na sigla em inglês).

Image Description
4) Thinking in systems: A Primer - Donella H. Meadows (em inglês)
Também sugerido pela Joyce, é especialmente indicado para quem exerce ou almeja funções de gestão e gerenciamento. Para ela, um dos pontos mais interessantes do livro está na proposta de olhar para empresas, projetos e grupos de trabalho como sistemas compostos por uma função, vários elementos e suas interações.

Dentro da equipe de um projeto, por exemplo, cada integrante consiste em um elemento. Quando um problema surge no processo de desenvolvimento, as metodologias tradicionais tendem a procurar um culpado para punir ou substituir. Metodologias Ágeis como a que Meadows propõe dizem que, para aumentar a eficiência de uma equipe, é preciso focar menos em cada indivíduo e mais na relação entre eles.

5) The Scrum Guide - The Definitive Guide To Scrum: The Rules of the Game - Ken Schwaber & Jeff Sutherland
É nesse guia, disponível em português para download, que os criadores do Scrum mantém as regras, técnicas e formas de aplicação do método sempre atualizadas. A indicação, também da Joyce, vale tanto para iniciantes quanto para usuários antigos, já que concentra todas as revisões do Scrum realizadas a partir de seu uso no dia a dia das empresas.

E então, qual desses livros vocês acharam mais interessante? Se tiverem comentários ou outras indicações, contem pra gente!