Lista: Talentos da Caiena dão dicas de livros para o Natal

Dicas Dez 18, 2019

Estas dicas de livros de ficção e não-ficção vão te ajudar a encontrar sua próxima leitura e, ainda, a conhecer um pouco mais nossos talentos

Com a aproximação do Natal e do Ano-Novo, começa a procura por coisas para ler, ouvir e assistir durante os feriados – ou férias, para os mais sortudos. Para ajudá-los nessa busca, os talentos da Caiena compartilharam os livros, podcasts e séries que mais gostaram em 2019!

Publicaremos uma lista por semana até o início de janeiro. Começaremos pelas dicas de livros, já que eles são também uma ótima opção de presente! Ah, a lista não é dos melhores livros publicados em 2019, mas das melhores leituras que tivemos durante o ano. Aposto que encontrarão ótimos títulos que passaram batido em meio ao turbilhão de lançamentos!

Dicas de livros de ficção


A Volta do Parafuso – Henry James

Indicado por: Rebeca Bissoli, Assistente de Comunicação Interna
Gênero: ficção de terror

volta-parafuso-henry

Considerada um clássico do horror psicológico, essa novela de 1898 segue gerando debates interpretativos. De um lado, os que acreditam na presença dos demônios descritos pela narradora. De outro, os que atribuem à sua suposta insanidade as figuras fantasmagóricas que a atormentam. Seja qual for a interpretação, "A volta do parafuso" é garantia de calafrios e de uma boa leitura – não é à toa que, mais de cem anos depois, a obra continua sendo editada.

Agora aqui ninguém precisa de si – Arnaldo Antunes

Indicado por: Karina Sanitá, Assistente de Comunicação e Conteúdo
Gênero: poesia

aqui-ninguem-precisa-si-antunes

Descobri recentemente essa coleção de poemas e ela se tornou uma companhia instigante e inusitada. Nela, as palavras existem em sua totalidade: significados, sons, formas e tudo o que se cria a partir da combinação entre elas. Nos textos, o autor passa algumas linhas construindo cadências fonéticas e visuais e traçando linhas de raciocínio só para, no fim, subvertê-las. Nós, os leitores, acabamos presenteados com aquela sensação boa de não ler exatamente o que esperávamos, mas algo ainda melhor.

O conto da ilha desconhecida – José Saramago

Indicado por: Jaqueline Vital, Motion Designer
Gênero: ficção/conto

conto-ilha-desconhecida-saramago

Todas as ilhas são desconhecidas até que alguém desembarque nelas. É com este argumento que o personagem de Saramago pede ao rei um barco para alcançar o destino incógnito, esperando que o encontro com a nova terra o revele algo novo sobre si mesmo. Nas poucas páginas que separam o surgimento do desejo de seu desfecho, Saramago traça uma alegoria otimista, que toca em temas como autoconhecimento, frustração, flexibilidade, amor e realização.

Os espiões – Luis Fernando Veríssimo

Indicado por: Rebeca Bissoli, Assistente de Comunicação Interna
Gênero: ficção/mistério

espioes-verissimo

Em "Os Espiões", Veríssimo combina seu já consagrado humor aos mistérios da ficção policial, sem que um gênero diminuía ou atrapalhe o outro. No enredo metalinguístico, um editor frustrado recebe o trecho de um relato escrito pela misteriosa Ariadne. Nele, a mulher promete revelar seu caso amoroso com uma figura desconhecida e, então, suicidar-se. O editor, fascinado por histórias policiais, reúne os companheiros de bar para encontrar e salvar a vida de Ariadne.

O quarto de despejo – Carolina Maria de Jesus

Indicado por: Jaqueline Vital, Motion Designer
Gênero: diário/biografia

quarto-despejo-carolina-jesus

A incansável repetição do cotidiano faminto de Carolina Maria de Jesus é uma leitura viva e desesperadora, justamente pela verdade e crueza que expressa. Neste relato sobre a vida em uma das mais antigas – e hoje extinta – favelas de São Paulo durante a década de 1950, a escritora e catadora nos obriga a ver uma realidade que nos esforçamos para ignorar – a da desigualdade, da injustiça, do preconceito e da fome.

O mistério da estrada de Sintra – Eça de Queiroz e Ramalho Ortigão

Indicado por: Eduardo Assis, co-fundador e diretor
Gênero: ficção policial/mistério

misterio-estrada-sintra

Este livro foi precursor em vários aspectos: o primeiro romance policial português, a primeira ficção de Eça de Queiroz e o primeiro livro assinado por dois autores. Publicado em 1870 em formato de cartas anônimas, mexeu tanto com o imaginário de Lisboa que os crimes narrados foram investigados pela polícia local. Como descreve Eduardo, que indicou a leitura, o livro é "Surpreendente! Tanto a narrativa quanto a forma como a história foi apresentada ao público, numa série de artigos no jornal!"

Onde cantam os pássaros – Evie Wyld

Indicado por: Giuliana Wolf, Líder de Comunicação
Gênero: ficção

onde-cantam-passaros

"Esse foi um dos primeiros livros que li nesse ano e me surpreendeu muito, principalmente pelo formato! A personagem principal é uma mulher cujo passado é um segredo para a maioria dos vizinhos – e ela quer que as coisas continuem assim! Existem várias lacunas que vão se preenchendo ao longo da história, já que a narrativa mostra três períodos diferentes da vida da personagem principal. Esses períodos vão se intercalando e cada um vai para uma direção – futuro, passado distante e um passado recente. A escrita é muito inteligente e os personagens são complexos, cheios de contradições próprias do ser humano."

Tudo é eventual – Stephen King

Indicado por: Jaqueline Vital, Motion Designer
Gênero: terror/coletânea de contos

tudo-eventual-stephen-king

Neste livro de contos, um dos mais populares escritores contemporâneos continua provocando surpresas, sobressaltos e incômodos. São 14 histórias que variam tanto em tamanho quanto em estrutura e objetivo – como revela o próprio autor, algumas delas mais literárias, outras escritas com o claro propósito de assustar. Para os que apreciam o suspense e a experiência de ler uma história toda de uma única vez, os contos de King seguem sendo boa opção.

Dicas de livros de Não-ficção


Como mentir com estatística – Darrell Huff

Indicado por: Bruno Rigolino, Líder de Design
Gênero: não-ficção

mentir-com-estatistica-huff

“É um livro um pouco antigo, fácil de ler e ilustrado com cartoons engraçados sobre conceitos de estatística que são muito úteis para entender melhor notícias e conteúdos sobre negócios, pesquisas médicas, economia... Útil para entender melhor o cotidiano.”

Essencialismo – Greg Mckeown

Indicado por: Joyce Romano, Product Owner
Gênero: não-ficção/autoajuda

essencialismo-livro

“O livro fala sobre fazer boas escolhas e esclarece que isso significa somente escolher o que está relacionado ao que você quer, sem fazer algo para agradar aos outros, por exemplo. E ele deixa bem claro como atingimos mais metas e vamos ‘mais longe’ colocando esforço e energia no que realmente importa para nós.”

Free Will – Sam Harris (em inglês)

Indicado por: Douglas Henrique, desenvolvedor node
Gênero: não-ficção

free-will-livro-harris

A discussão sobre os limites do livre-arbítrio habita a filosofia, a teologia, a ciência e as artes há séculos. Mas foi com a modernidade que a questão tornou-se mais popular e acessível aos não iniciados em suas linguagens. "Free Will", do filósofo e neurocientista americano Sam Harris, é um dos livros responsáveis por essa popularização. Como adianta o Douglas, que indicou a leitura, Harris "sugere que o livre-arbítrio não existe, mas que isso não afeta questões morais."

Utopia para Realistas – Rutger Bregman

Indicado por: Bruno Rigolino, Líder de Design
Gênero: não-ficção/ciências sociais

utopia-para-realistas

"Este livro de um historiador holandês trata de temas polêmicos como renda universal e o futuro do trabalho, mas de forma bastante objetiva, mostrando dados e com uma leitura bem fluida. O livro expande o horizonte sobre esses assuntos."

Esperamos que essas dicas te livros te ajudem na escolha da próxima leitura ou presente! Durante as próximas semanas, indicaremos as séries e os podcasts preferidos dos talentos. Para não perder, é só ficar de olho nas nossas redes sociais!

Karina Sanitá

Jornalista, ouvinte de podcasts e assistente de comunicação e conteúdo da Caiena.

[...document.querySelectorAll("a[href*='?xgtab&']")].forEach(link => { link.setAttribute("target", "moredetail"); });