Blockchain como solução para o varejo

Blockchain 28 de Jun de 2022

Tecnologia que assegura rastreabilidade promove mais segurança ao setor

Conexão entre fornecedores, sistemas complexos de transporte e distribuição de produtos são alguns dos desafios dos varejistas. Por isso, novas tecnologias são introduzidas no cotidiano a fim de facilitar processos já existentes e criar soluções inovadoras.

Neste texto vamos apresentar quais os principais benefícios que a tecnologia blockchain pode trazer ao varejo e também três exemplos concretos de sua aplicação em grandes marcas, como Walmart, Amazon e Nestlé.

Navegue pelo conteúdo:

O que é blockchain

Blockchain significa “cadeia de blocos” e é uma tecnologia de banco de dados descentralizado, ou seja, todas as informações armazenadas ali são distribuídas em blocos criptografados e integrados.

Essa estrutura de dados se dá de forma distribuída e imutável: se houver qualquer tentativa de alteração de dados de um bloco, será preciso manipular também todos os blocos conectados a ele – o que é praticamente impossível. Isso garante segurança e confiabilidade à blockchain.

A tecnologia blockchain é conhecida por ser fundamental para a operação de criptomoedas, mas seu uso vai além. Falamos mais sobre isso neste post.

Aplicações da blockchain no varejo

Por promover segurança e transparência nos processos, as transações via blockchain se tornaram uma boa saída para diversos processos do varejo, como: supply chain, venda e pós-venda, programas de fidelidade e pagamentos sem a necessidade de intermediários (bancos).

Afinal, por funcionar como um livro-razão digital, a blockchain oferece rastreabilidade a toda a cadeia de produção, desde o gerenciamento do inventário até a chegada ao usuário final. Conheça, a seguir, exemplos reais dessa aplicação.

Amazon

A Amazon identificou em sua operação que seria muito difícil gerir uma cadeia de suprimentos baseada em processos obsoletos, como através de registros em papel. Esse modo de trabalhar pode dificultar a comunicação entre os setores e se mostrar suscetível aos erros manuais, previsões inexatas de oferta e demanda e até falsificações.

A solução encontrada pela Amazon se deu através da criação do serviço Amazon Managed Blockchain. Através dele, é possível que “redes inteiras de cadeia de suprimentos possam documentar as atualizações em um único livro contábil compartilhado, que oferece visibilidade de dados total e uma única fonte confiável”.

Desse modo, a consulta da localização de produtos e o status de entrega são sempre atualizadas e rastreáveis, além de contribuir para redução de atrasos e desperdícios durante todo o processo logístico da Amazon.

Walmart

O Walmart é conhecido como um líder em gestão de supply chain, porém, sua operação no Canadá possuía um grande desafio logístico: organizar a atuação de suas 70 transportadoras terceirizadas. Este problema causava atrasos de pagamento e discrepância nos dados do faturamento total.

O desafio fica ainda maior quando a carga transportada é, muitas vezes, perecível e deve atravessar fronteiras, fusos horários e climas diferentes.

Assim, o Walmart Canadá colocou em prática uma saída pioneira no setor: implementou a tecnologia blockchain para criar um sistema automatizado de gerenciamento de faturas e pagamentos para as transportadoras, tornando-o mais eficiente.

Carrefour e Nestlé

Nestlé e Carrefour estão utilizando uma plataforma blockchain chamada Food Trust, da IBM, para rastrear a cadeia de suprimentos de fórmulas à base de leite para bebês.

Desse modo, Nestlé e Carrefour têm garantido transparência no processo e também acompanhado de perto a qualidade dos produtos fornecidos. Esse é um exemplo em que a aplicação de uma nova tecnologia é capaz de aumentar a confiança entre empresa e consumidor final.  

Para saber mais

Viu como a integração da blockchain pode potencializar mudanças significativas no modelo de negócios do varejo? Mais experiências positivas são notadas em diversos setores.

Aqui na Caiena, por exemplo, criamos o primeiro aplicativo de licitações do Brasil que utiliza a tecnologia blockchain – o SOL (Solução Online de Licitação). Desenvolvido pela Caiena para os estados da Bahia e do Rio Grande do Norte, com financiamento do Banco Mundial, o aplicativo está sendo utilizado por associações e cooperativas em ambos estados e expandindo-se para outros territórios.

Quer fazer parte de projetos de impacto como esse? Confira as nossas vagas.

Marta Barbieri

Cientista Social e Analista de Comunicação na Caiena.

LinkedIn icon Instagram icon Facebook icon Twitter icon
Great! You've successfully subscribed.
Great! Next, complete checkout for full access.
Welcome back! You've successfully signed in.
Success! Your account is fully activated, you now have access to all content.